Imprimir
III Congreso Internacional Historia a Debate Santiago de Compostela

IV Congreso Internacional Historia a Debate
Santiago de Compostela, 15-19 de diciembre de 2010

Direccin


Ponencias aceptadas

 

Seccin I. 3. Nuevo paradigma educativo

Ttulo

O historiador, na reflexo didtica, diante dos novos desafios da Didtica da Histria

Autor

Luis Fernando Cerri (Universidade Estadual de Ponta Grossa, Paran, Brasil)

Resumo

Desde um novo paradigma de cincia que comea a emergir da crise da histria das grandes narrativas, o historiador passa a no ser mais compreendido como um especialista cuja atividade s seria possvel separada da vida prtica. Dentro desse paradigma emergente, a Didtica da Histria deixa por seu turno de significar um estudo tcnico da transmisso do saber histrico erudito para a populao no-especialista e passa a significar cada vez mais o espao, dentro da Histria, em que se discute a aprendizagem e o uso social da Histria, em seu convvio com outras formas de representao do passado.Esta apresentao procura fazer coincidir dois campos de reflexo sobre o ofcio do historiador, desde a experincia brasileira, em estreito dilogo com a perspectiva argentina e uruguaia. Em primeiro lugar, discutiremos o afastamento dos historiadores brasileiros em relao reflexo didtica, recolheremos exemplos do final do sculo XX que trazem indcios de reverso dessa tendncia, mas tambm indicadores da manuteno de posicionamentos de auto-segregao de historiadores em relao reflexo didtica, que a negam como campo ou como prtica inerente histria. Discutimos hipteses para explicar essa situao ambgua na historiografia brasileira, buscando apoio na histria da cincia e em algo da sociologia do conhecimento.

Traado esse contexto do historiador na reflexo didtica, procuraremos enumerar quais so os grandes temas que se colocam para a reflexo didtica dos historiadores do Mercado Comum do Sul (MERCOSUR - Paraguai, Uruguai, Brasil e Argentina), com base nos dados produzidos atravs do survey internacional "Jovens brasileiros, argentinos e uruguaios diante da Histria", realizado entre 2007 e 2009 com questionrios para estudantes e seus professores, inspirados no projeto europeu "Youth and History". Os temas mais relevantes que a pesquisa posicionou foram a) a memria dos regimes militares na aprendizagem histrica; b) o problema da aprendizagem da Histria, seus sucessos e fracassos; c) a questo da alteridade, da tolerncia e da empatia na educao histrica promovida para esses jovens; d) o desconhecimento mtuo da histria dos pases vizinhos e as representaes que dificultam e facilitam os processos culturais de integrao regional e e) os desafios que as representaes prprias dos adolescentes sobre o sentido do tempo e da histria colocam para a disciplina da Histria e seu papel na construo da cidadania.